AS CELEBRAÇÕES LITÚRGICAS DO ANO: UMA REFLEXAO SOBRE AS MISSAS DE 2023

O que é a missa? A missa é a celebração central da fé católica, na qual nós recordamos e atualizamos o mistério da paixão, morte e ressurreição de Jesus Cristo, o Filho de Deus, que se entregou por amor a nós, para nos salvar do pecado e da morte, é o o sacrifício de Cristo, que se oferece ao Pai, pelo Espírito Santo, em favor de toda a humanidade; a missa é o banquete de Cristo, que se faz presente na Eucaristia, o pão da vida e o cálice da salvação, que nos alimenta e nos fortalece, é a comunhão de Cristo, que se manifesta na sua Igreja, o seu corpo místico, que nos reúne e nos envia como seus discípulos e missionários.

O ano de 2023 foi o ano A do ciclo litúrgico, que segue o evangelho de Mateus, onde celebrou diversas solenidades, festas e memórias dos mistérios de Cristo, da Virgem Maria e dos santos. Algumas dessas celebrações são próprias do Brasil, como a padroeira Nossa Senhora da Conceição Aparecida, e outras são universais, como a Páscoa e o Natal.

Cada uma dessas celebrações nos revelou um aspecto da obra salvífica de Deus na história da humanidade e na nossa vida pessoal, elas nos ajudaram a compreender melhor quem é Deus e quem somos nós, nos inspiraram a seguir o exemplo dos santos e a imitar as virtudes de Cristo e de Maria, além de nos fortalecerem na graça e nos animarem na esperança.

Por isso, as santas missas católicas de 2023 foram uma fonte e um ápice da vida cristã, alimentando-nos com o pão da vida e nos saciando com o vinho da alegria. Entre as principais santas missas do ano destacamos a Epifania do Senhor, que aconteceu no dia 8 de janeiro, comemorando a manifestação de Jesus aos magos do Oriente e a todas as nações. No dia 02 de fevereiro, recordamos a apresentação do Senhor, no templo e a profecia de Simeão e Ana, ainda em fevereiro a Quarta-feira de Cinzas, que marca o início da Quaresma, o tempo de preparação para a Páscoa, com jejum, oração e penitência. Em abril celebramos a Páscoa, que é a festa mais importante do ano, pois celebra a ressurreição de Jesus e a vitória sobre o pecado e a morte. Em Junho o Pentecostes, que celebra a vinda do Espírito Santo sobre a Igreja e o início da sua missão no mundo, além de celebrarmos neste mesmo mês o mistério da fé cristã, a Santíssima Trindade. Em agosto a Assunção de Nossa Senhora, que celebra a subida de Maria ao céu em corpo e alma, como primícia da ressurreição dos mortos. Em outubro a Nossa Senhora da Conceição Aparecida, que celebra a padroeira do Brasil, que apareceu nas águas do rio Paraíba em 1717, e que é invocada como rainha e mãe de todos os brasileiros. Novembro, Todos os Santos, que celebra a comunhão dos santos, que são os modelos de vida cristã e os intercessores junto a Deus. Em dezembro o Advento, que é o tempo de espera e de preparação para o Natal, com a vigilância, a conversão e a alegria, e o Natal, que celebra o nascimento de Jesus, o Filho de Deus feito homem, que veio trazer a luz, a paz e a salvação ao mundo.

Estas foram algumas das principais santas missas do calendário de 2023, que nos convidou a participar da liturgia da Igreja e a viver a nossa fé com mais fervor e devoção. Que possamos celebrar esses mistérios com amor e gratidão, e que eles nos ajudem a crescer na comunhão com Deus e com os irmãos, neste novo ano que se inicia e juntos compreendermos melhor nossa missão e nossa vocação. Amém.

 

Conecte-se Conosco nas Redes Sociais
Para ficar por dentro das últimas notícias, eventos e atualizações da nossa catedral, siga-nos em nossas redes sociais. Vamos crescer juntos em fé e comunidade.

  • Fone: (49)35221294 
  • Facebook: Catedral de Joaçaba 
  • Instagram: @catedraldejoaçaba |
  • Site: https://catedraldejoacaba.org.br/
  • Email: [email protected]

Esperamos vê-los online!

Últimas Notícias

Anterior
Próximo