Quem foi Santo Agostinho

Filho de Patrício e de Santa Monica, nascido na atual Argélia, Santo Agostinho (354-430) desde cedo foi filósofo, escritor, bispo e teólogo. Foi um grande estudioso e curioso sobre os mistérios da vida. Foi escritor, filósofo, professor e sua fé era maniqueísta, acreditando que existe no mundo duas forças iguais e opostas, uma boa e outra ruim. Quanto mais ele se aprofundava no estudo, conseguiu unir em sua obra a visão romana, maniqueísmo, platônico e donatista. O que rende a este Santo o título de Doutor da Igreja.

Conta a história que o Santo, em um dia de muita angústia, recebeu a visita de um ser de luz, que o entregou um livro e disse “toma e lê”. Agostinho assim o fez, e partir daquele momento, restaurando a fé, cederia ao cristianismo. Sendo assim batizado pelo Bispo Ambrósio. Sofreu duas grandes perdas, da sua mãe e de seu filho, trazendo grande sofrimento, que o acompanhou até o dia da sua morte.

 

Principais obras escritas por Santo Agostinho

Cidade de Deus. Confissões tem um tom altamente autobiográfico. Ambos contribuíram para o princípio da filosofia cristã.

 

 

 

Oração de Santo Agostinho

“Santo Agostinho, cheio de dignidade, de amor fervoroso e brilho incansável, ampara-nos e protege-nos da infelicidade, do perigo, da calúnia, dando-nos sabedoria, discernimento, calma e presença de amor divino. Não permita que nos distanciemos da doutrina de Deus, de quem o amor ardoroso e supremo eterniza a nossa vida. Santo Agostinho poderoso, abençoa cada um que lhe procura num momento de socorro, de nostalgia e falta de direção. Santo Agostinho, realiza milagres por nós, em nome de Deus Pai Todo-Poderoso. Assim seja!”

Últimas Notícias

Anterior
Próximo